top of page

História do Carnaval do Brasil

A história do Carnaval brasileiro, suas origens e o que é hoje.


Podemos falar sobre o Carnaval do Rio de Janeiro e o Carnaval do Brasil, o primeiro nos dá um relato das tradições do Rio, o segundo nos conta a história de um país e retrata sua memória.

O Carnaval do Brasil como aprenderemos tem suas origens em dois aspectos, o primeiro relacionado às tradições romanas que levaram à Europa da conquista. E o segundo é o resultado do processo de comércio de escravos. A história do Carnaval é permeada por essas duas características.

Podemos dizer que o Brasil é um país onde as colônias europeias deixaram traços diferentes e forjaram uma tradição composta por diferentes momentos, costumes, danças típicas, dores e alegrias em cada região. Isso fez com que o Carnaval fosse em direções diferentes em cada lugar.

Por exemplo, a celebração do Rio de Janeiro, que acontece quatro dias antes da Quarta-feira de Cinzas, difere de muitas das festividades no Brasil, que acontecem na mesma data, pois nesta a celebração acontece no Sambódromo. Em cidades como Bahia e Recife as celebrações são feitas diretamente nas ruas e os presentes dançam ao som dos trios elétricos.




Onde nasceu o Carnaval?

O Carnaval nasceu na Roma antiga; ou melhor, podemos dizer que desde então essa tradição emerge, onde elementos como o uso de roupas ou fantasias são combinados. A dança, a coloração, os desfiles, etc. Embora devamos nossos próprios rituais aos antigos rituais romanos, não podemos afirmar que eles dependem absolutamente deles.


Algumas características são resultado do comércio de escravos ou costumes que se consolidaram na época da colonização europeia. Em muitas cidades brasileiras, o Carnaval traz consigo elementos que são indígenas de cada cidade em particular.

Assim, as danças típicas do Carnaval são uma forma de celebrar a liberdade alcançada pelos escravos dos colonizadores e são resultado da influência africana dentro da cultura brasileira. Essas celebrações na época da conquista significavam para os escravos uma época em que eles podiam confundir seus papéis, barreiras sociais foram borradas e perdidas atrás dos trajes, música e memória dos antepassados.




Hoje

Hoje em dia os Carnavais são mais elaborados. Eles têm a participação de escolas, por exemplo, no caso de carnavais realizados em cidades como Rio ou Florianópolis. Também de trios elétricos em outras partes do país.

Cada uma das escolas apresenta um tema específico, que é elaborado durante o ano anterior ao Carnaval. Este tema é exposto no desfile no caso das cidades onde o tradicional desfile é feito no Sambódromo, sendo acompanhado pelos bailarinos entre carruagens, cores e alegria.

Dessa forma, os Carnavais do Brasil dão vida às tradições e colecionam em poucos dias centenas de anos de memória.


124 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Komentáře


bottom of page